terça-feira, 3 de setembro de 2013

Igreja quer veto a projeto de lei que permite animais de estimação serem sepultados com seus donos

Quem tem um animalzinho de estimação sabe. É como se fizesse parte da família. Muitas vezes a dor pela perda é grande e o amor dedicado durante toda a vida nos faz pensar como seria bom mantê-lo junto a nós mesmo neste momento.

Pensando nisso, os vereadores Roberto Tripoli (PV) e Antonio Goulart (PSD) submeteram à Câmara Municipal de São Paulo um projeto de lei que permitirá que os animais de estimação sejam enterrados com seus donos. De acordo com Roberto Tripoli: "Quando um deles [animais] vem a falecer, além do extremo sofrimento da perda, as pessoas em geral se desesperam sem saber para onde destinar o cadáver".

Porém, a Igreja Católica está pressionando os políticos de São Paulo para que o projeto de lei não seja aprovado. O arcebispo de São Paulo, d. Odilo Scherer, já teve um encontro com o prefeito Fernando Haddad (PT), a quem caberá sancionar (ou não) o projeto de lei, caso seja aprovado. Ele argumentou que sepultar animais junto com pessoas pode deflagrar um processo de depreciação da dignidade humana, colocando os bichos de estimação no mesmo patamar, “o que seria inaceitável”.

O vereador Tripoli rebateu dizendo que o assunto não é da alçada da Igreja, porque o jazigo é um espaço privado e a sociedade pode utilizá-lo também para sepultar seus animais queridos.

"A pessoa que compra o espaço pode usá-lo como quiser”, disse. “Se quiser enterrar um cachorro ali, qual é o problema?” Ele enfatiza ainda que a cidade tem cemitérios e crematórios particulares destinados a bichos domésticos, mas, segundo Tripoli, eles cobram taxas altíssimas.

Notadamente se baseando em um dogma, aquele que diz que todas a criaturas foram colocadas na Terra para nos servir e que nós reinamos sobre elas, d. Odilo coloca o ser humano em um patamar superior. Em pleno século XXI e com os conhecimentos científicos atuais, é difícil engolir mais essa interferência da Igreja.

Com atitudes assim, o catolicismo tende a perder cada vez mais espaço. Retrógrados, fanáticos... evangélicos e católicos se digladiam pelas almas. Faça sua escolha. Lembrando sempre que existe uma terceira opção. 

D. Odilo Scherer

Com informações do Instituto Humanitas Unisinos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será moderado. Para garantir aprovação, por favor:

- Seja educado.

- Tenha conteúdo.

- Não utilize CAIXA ALTA, pois prejudica a leitura de seu comentário.

- Comentários com proselitismo religioso NÃO serão aceitos. Para isso existem as igrejas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...