quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Iván Fernández Anaya, espírito esportivo acima de tudo

02 de dezembro de 2012, Burlada, Navarra, Espanha.

O espanhol Iván Fernández Anaya estava em segundo lugar, um pouco atrás do medalhista de bronze dos Jogos Olímpicos de Londres no cross-country, Abel Mutai. Quando entraram na reta final, Iván viu o queniano diminuir os passos nos 10 metros finais da corrida. Mutai, pensava que já havia cruzado a linha de chegada. 

Iván, rapidamente apertou o passo.

Apreensão! Ele se aproximou do líder e... mostrou com gestos que Mutai ainda não havia completado a prova. O espanhol permaneceu em segundo lugar.

 
“Eu não merecia ganhar. Fiz o que tinha que fazer, ele foi o vencedor legítimo. Ele abriu uma vantagem que eu não conseguiria tirar se ele não tivesse errado”, disse Iván após a prova.


2 comentários:

  1. se fosse brasileiro teria passado e ainda tirado sarro da cara do outro

    ResponderExcluir

Seu comentário será moderado. Para garantir aprovação, por favor:

- Seja educado.

- Tenha conteúdo.

- Não utilize CAIXA ALTA, pois prejudica a leitura de seu comentário.

- Comentários com proselitismo religioso NÃO serão aceitos. Para isso existem as igrejas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...