terça-feira, 9 de outubro de 2012

Artilharia alemã da Segunda Guerra é encontrada intacta 67 anos depois

A polícia russa descobriu cinco peças de artilharia alemã da Segunda Guerra Mundial, juntamente com sua munição, em uma região montanhosa do sul do país.

As armas – canhões de 76 mm – estão em boas condições, de acordo com a polícia da região de Kalbardino-Balkaria, onde fica o Monte Elbrus, a maior montanha da Europa.

Artilharia alemã no Monte Elbrus

“Se caíssem em mãos erradas, poderiam ser usadas de verdade”, disse o chefe de polícia Muslim Bottayev. Engenheiros militares irão rapidamente remover as armas e sua munição para um lugar seguro.

As armas foram descobertas perto do Passo de Donguz-Orun, numa altitude de 2.800 metros.

O achado inclui oito cápsulas de 76 mm, quatro granadas de mão, três minas e 500 cartuchos de rifle, abandonados quando a Wehrmacht recuou daquela região.

Forças alemãs ocuparam a área ao redor do Monte Elbrus de agosto de 1942 até janeiro de 1943. Neste ínterim, um time de soldados montanheses escalou até seu topo. Divisado como um golpe de propaganda, o feito teria supostamente enraivecido Hitler, que o viu como um frívolo desvio de esforços.

Lembranças da luta que aconteceu perto do Elbrus durante a Segunda Guerra Mundial continuam a aparecer. Em agosto deste ano a polícia encontrou os corpos de seis soldados soviéticos que morreram lutando nas encostas da montanha.

Fonte: RIA Novosti, 16 de setembro de 2012. Via Blog Sala de Guerra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será moderado. Para garantir aprovação, por favor:

- Seja educado.

- Tenha conteúdo.

- Não utilize CAIXA ALTA, pois prejudica a leitura de seu comentário.

- Comentários com proselitismo religioso NÃO serão aceitos. Para isso existem as igrejas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...