quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Há quem se surpreenda com essa notícia?

Por Juca Kfouri para seu blog.

Título original: Me engana que eu gosto.

Quando o Conjunto Aquático Maria Lenk foi construído para os Jogos Pan-Americanos do Rio, a todos que estranharam sua suntuosidade, e custo (R$ 100 milhões de dinheiro público!), para jogos de segunda classe, o argumento era definitivo: caso o Rio ganhe o direito de sediar a Olimpíada, a natação já terá seu lugar pronto.

Pois assim que o Rio foi escolhido o COI informou que a capacidade de público do conjunto era inferior ao exigido para as provas de natação e resolveu-se construir um ” estádio olímpico de desportos aquáticos”, no Parque Olímpico, na Barra da Tijuca.

Carlos Nuzman (foto) não se apertou e anunciou que o Maria Lenk seria usado para as provas de saltos ornamentais e polo-aquático.

Ontem, porém, foi anunciado que também os saltos ornamentais não mais serão disputados lá, mas em instalações temporárias no Forte de Copacabana.

E você que pagou o Maria Lenk, pagará por mais esta.

As empreiteiras, e sabe-se lá mais quem, agradecem.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será moderado. Para garantir aprovação, por favor:

- Seja educado.

- Tenha conteúdo.

- Não utilize CAIXA ALTA, pois prejudica a leitura de seu comentário.

- Comentários com proselitismo religioso NÃO serão aceitos. Para isso existem as igrejas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...