sábado, 8 de setembro de 2012

6 lugares extremamente inacessíveis

Balestrino - Itália

Ninguém sabe ao certo quando a cidade foi criada, embora registos datem de antes do século XI. No final do século XIX, a costa noroeste da Itália foi atingida por muitos terremotos. Mesmo não havendo registros oficiais que mostrem que Balestrino foi afetada, coincide com a diminuição da população e nota-se que há reparações nos edifícios em torno dessa data.

Acredita-se que em 1953 a cidade foi abandonada devido as instabilidades geológicas, os habitantes restantes foram transferidos para o oeste do país para estarem mais seguros. Hoje é uma cidade inacessível por via terrestre. Existem dois modos de chegar na cidade: o mais fácil é pelo ar e o mais difícil é escalando.



K2 - A Montanha da Morte

A montanha da cordilheira de Karakoram, uma das cadeias dos Himalaia, na fronteira sino-paquistanesa (na região da Caxemira ocupada, no Baltistão). É o segundo pico mais alto do mundo, depois do Monte Everest. Tem uma altitude máxima de 8 611 metros.

É considerada por alguns alpinistas a pior montanha para a prática da escalada. Seu pico é inacessível em algumas estações do ano até mesmo para helicópteros, devido ao clima instável na região. Até mesmo em estações favoráveis é difícil chegar ao pico com helicóptero, a façanha exige um piloto de alto nível para a realização.


Varosha - Chipre

Varosha está situada no Chipre, numa cidade ocupada pela Turquia – Famagusta. Anteriormente, era um moderno centro turístico pertencente a um dos destinos mais luxuosos do país.

No ano de 1974, a Turquia invadiu o Chipre e destruiu a ilha! Cidadãos fugiram e esperavam voltar a suas casas em poucos dias, no entanto, os militares turcos cercaram a cidade com arame farpado e controlam todas as entradas e saídas, autorizando-as apenas a eles próprios e ao pessoal da ONU. Os edifícios estão caindo aos pedaços, mas há um pequeno lado positivo – tartarugas marinhas extremamente raras criaram um habitat e multiplicam-se nas praias agora desertas.

Ninguém mais entrou na ilha desde a retomada do território sem que seja do governo turco ou da ONU. A zona é altamente proibida e o invasor é punido com a morte. Quem vai arriscar? A vigilância ocorre 24 horas por dia.



Bunker de Luxo - Estados Unidos

Algum milionário decidiu que estava na hora de construir uma casa realmente segura. O resultado disso foi uma das residências mais seguras do mundo, principalmente pelo fato de seu dono ter criado um porão/bunker contra mísseis nucleares, armas biológicas e tudo que se tem direito para enfrentar o Apocalipse com comodidade.

Situada no norte do estado de Nova York, a casa inteira tem 3 metros de paredes de aço e é superprotegida por uma porta altamente tecnológica e possui diversos tipos de sensores espalhados pela propriedade.

Hoje não é tão inacessível visto que está aberta mas assim que o dono decidir se trancar lá dentro ninguém mais conseguirá entrar.



Prisão Supermax, A "Alcatraz" das Montanhas Rochosas - Estados Unidos

Você já deve ter ouvido falar sobre a prisão de suspeitos de terrorismo que fica em Guantánamo, mas provavelmente não sabe que há uma outra prisão, onde há mais de 40 terroristas trancados.

A Supermax abriga os presos considerados os mais perigosos e aqueles que mais necessitam de vigilância. Quase todos são mantidos em confinamento solitário por cerca de 23 horas por dia, com a última hora a ser utilizada para o exercício, realizado sozinho, sendo que sua única interação com seres humanos é com os policiais que controlam o local.

Não há atividades em grupo: sem trabalho, sem oportunidades de educação, não comem juntos, nenhum esporte, não são permitidos serviços religiosos, e não há tentativas de reabilitação. Cada cela contém móveis feitos de concreto, e o chuveiro tem um temporizador de 10 minutos. Todas as janelas nas celas são projetadas em tal ângulo de modo que o prisioneiro não possa localizar a sua posição na prisão.

São mais de 1000 portas de aço controladas automaticamente, arame farpado, câmeras de vigilância noturna, sensores de movimento e pressão, cães por todo lado. Ninguém consegue entrar nem sair deste lugar sem prévia autorização.



Arquivos Secretos - Vaticano



Apesar do nome dado pelas pessoas ao redor do mundo, o Arquivo Secreto do Vaticano não é secreto. Você pode ter acesso a qualquer documento do catalogo, porém você não tem acesso as salas do arquivo. Quem quiser acessar um documento deve preencher um formulário disponível e um funcionário credenciado entra na sala do arquivo e traz o documento para você. Reza a lenda que nem todos documentos estão catalogados e que alguns apenas a mais alta hierarquia dos cardiais e o papa tem acesso. O Vaticano, no entanto diz que os únicos documentos inacessíveis ao público são registros políticos que só são liberados 75 anos a partir do ano de sua publicação, por razões diplomáticas. De acordo com o próprio Vaticano, seu arquivo contém mais de 84 kilometros de prateleiras e mais de 35.000 volumes em catálogo.

Fonte: Blog Pode ser melhor

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será moderado. Para garantir aprovação, por favor:

- Seja educado.

- Tenha conteúdo.

- Não utilize CAIXA ALTA, pois prejudica a leitura de seu comentário.

- Comentários com proselitismo religioso NÃO serão aceitos. Para isso existem as igrejas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...